quinta-feira, 5 de abril de 2012

Servidores do SANEP e da Prefeitura optam por aumento zero

Em assembleia realizada na última terça-feira, 03/04, a categoria dos servidores do SANEP havia deliberado, por maioria, que, no caso de não haver avanço nas negociações, o índice 4,53%, proposto pelo Executivo, seria rejeitado.

Os municipários, em assembleia do SIMP na câmara, hoje, também decidiram pela rejeição à proposta do Governo.

De forma autoritária e intransigente, a Prefeitura e a Direção do SANEP negaram-se ao diálogo e à negociação, mantendo as portas fechadas aos trabalhadores.

Como forma de protesto os servidores decidiram por não receber aumento a ter de aceitar a “migalha” oferecida pelo Governo Municipal. É um fato inédito na história da luta dos trabalhadores em Pelotas, que registra a indignação dos servidores públicos municipais e do saneamento em relação ao desrespeito com que essa administração vem tratando as pautas do funcionalismo e, consequentemente, a qualidade dos serviços prestados à população.

Por dez votos a quatro, os vereadores rejeitaram o projeto de reajuste da administração direta e aprovaram a emenda que excluiu o SANEP do projeto da administração indireta.

O fato de os vereadores, por maioria, terem acatado as deliberações das assembléias configura uma vitória para as lutas dos trabalhadores, referendando a assembleia como instância maior e soberana das decisões de uma categoria e, de certa forma, convocando os trabalhadores a fazerem-se presentes nas lutas em defesa dos seus interesses coletivos.

Na segunda-feira, 09/04, ás 9h, no Auditório do Colégio Pelotense, haverá a continuação da assembleia dos servidores do SANEP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!